Repetir para Variar, Desmontar para Construir – Felipe Barbosa

António Sena, Sem título (azul), 1986, 20,5x28,5 cm, técnica mista e colagem sobre papel BD
António Sena – Sem Título
Pedro Versteeg, Sem Título, sem data, 70x51 cm, técnica mista sobre papel BD
Pedro Versteeg – Sem Título
Voltar

Repetir para Variar, Desmontar para Construir – Felipe Barbosa

Convite exposição-02

Convite exposição-02

 

A Galeria Sete tem o prazer de anunciar a primeira exposição individual do artista Felipe Barbosa em Coimbra.

Repetir para Variar, Desmontar para Construir

Felipe Barbosa

Inauguração 24 de setembro (às 16h)
Até 24 de outubro de 2022

 

Em “Repetir para Variar, Desmontar para Construir” são apresentadas cerca de 20 obras inéditas, onde o artista utiliza materiais do universo cotidiano de forma bastante inusitada para compor suas obras.  Cintos de Judo ou karaté são transformados em alvos, fazendo um paralelo entre o desporto ofensivo e o defensivo, cruzando disciplinas e saberes distintos.

Na obra “Imagine”,  CD's de música empilhados são  transformados em um perfil quase mágico de John Lennon, dependendo do ângulo que se olha. Felipe trabalha quase sempre com objetos conhecidos dos espectadores para que o que se conhece a respeito deles seja revisto e transformado através de suas composições.

Outra série de trabalhos que estão patentes na mostra são os painéis feito com bolas de futebol que são desmontadas e recosturadas, formando planos pictóricos, apenas alterando a geometria da construção dos elementos que compõem a bola, o espaço tridimensional do objeto é transformado em plano. Cada gomo da bola é usado como um pigmento a fim de construir essa imagem dúbia.